Visa vai acelerar até 5 fintechs brasileiras com ajuda da gigante GSVLabs

As startups selecionadas podem receber até R$ 170 mil cada uma em tecnologias e serviços profissionais

A Visa e Kyvo, parceira da GSVlabs no Brasil, estão buscando até 5 fintechs para acelerar através do programa “Track”. A gigante dos cartões procura startups que possuam potencial para revolucionar a indústria de pagamentos eletrônicos no país e no mundo, que passarão por um processo de aceleração no Brasil e na sede da GSV, no Vale do Silício, entre 8 de maio e 25 de outubro.

As empresas deverão supervisionar os empreendedores no momento de definição do modelo de negócio, além do aprendizado de técnicas e ferramentas nas áreas de produto, serviço, design e marketing. Você pode se inscrever através do site oficial do programa, usando a plataforma de startups do StartSe, até o dia 31 de março. Importante ressaltar que este processo não envolve a Visa entrando no acordo societário da empresa, não tomando nenhum equity.

As startups selecionadas podem receber até R$ 170 mil cada uma em tecnologias e serviços profissionais, além de R$ 66 mil para gerenciar sua visita. “Estamos nessa missão para sermos tão bem sucedidos no mundo digital quanto somos no físico, o que significa que estamos em busca de parceiros capazes de trabalhar com flexibilidade e rapidez”, conta Percival Jatobá, Vice-presidente de produtos da Visa do Brasil. “O Visa Everywhere Initiative é a forma que encontramos para integrar essa nova mentalidade da comunidade de startups com o plano digital da Visa. Queremos parceiros inovadores que façam a diferença”.

No total, são até 6 meses de programa, com três de aceleração (um deles no Vale do Silício) e outros três meses de incubação. Após as empresas selecionarem os melhores participantes, estas startups passam por períodos de imersão, bootcamp e elaboração de estratégias, recebendo acesso ao conteúdo, às práticas, aos estudos de casos da GSVlabs e a uma rede estratégica de 170 mentores da comunidade Global Silicon Valley.

Será um mês inteiro no Vale do Silício, entre 1 e 28 de julho. Lá a GSV ajudará os empreendedores a receberem todo o suporte possível, conversando com toda uma rede de investidores da região, além dos melhores mentores. A ideia é que este mês no Vale seja totalmente transformacional para as startups selecionadas.

“O empreendedor terá à disposição toda a rede de mentores e técnicas empregadas no Vale do Silício a partir do Brasil, com a vantagem de poder otimizar a concepção e o planejamento da empresa para o mercado nacional”, diz Hilton Menezes, sócio-fundador da Kyvo. Além disso, cada startup poderá apresentar seu pitch para um comitê nomeado pela Visa, Kyvo e GSVlabs no Demo Day, que deve acontecer em outubro de 2017. Não deixe de se inscrever através do site oficial. As startups selecionadas serão anunciadas no dia 17 de abril, com o pitch fest marcado para 25 do mesmo mês.

Notícia publicada no portal Startse

Related Posts